Ganhe cultura

Universidade de Coimbra e a latada! A festa dos caloiros toma conta da cidade

9 de outubro de 2017

Na Universidade de Coimbra, a última semana foi dedicada à latada. A tradição é tão forte que mesmo que não tivesse sido feriado da independência na última quinta-feira, dia 5, o seria para os alunos de licenciatura. No domingo, as ruas da alta viraram carnaval. Os caloiros (por aqui é assim, e não calouros) fantasiados comemoravam, riam e bebiam! O cortejo saiu da Praça Dom Dinis, perto do Paço das Escolas, e seguiu até a Portagem.

É tão bonito ver uma cidade que respira estudo e dá a devida importância a isso. Os senhores e senhoras coimbrenses saíram de suas casas, pegaram seus banquinhos e esperaram os jovens futuros doutores passarem! A vida é feita de responsabilidade e de festa! Uma universidade que dá valor às comemorações desse tipo mostra o real significado de que vale a pena. Vale passar para Coimbra, considerada a melhor da Europa, vale a pena cada segundo que se está em sala de aula, vale a pena todas – e digo todas sem exceção – as pessoas que conhece e vale chegar ao final… lá quando se está prestes a receber o diploma, e levar um nabo gigante para a latada!

Continue lendo “Universidade de Coimbra e a latada! A festa dos caloiros toma conta da cidade”

Ganhe cultura

O rei da brincadeira: alemão constrói com peças de Lego Catedral de Colônia

17 de setembro de 2017

Um milhão de peças de Lego representam a Catedral de Colônia, na Alemanha, numa brincadeira que parece ser de criança. Mas foi com 23 anos que Jürgen Bramigk começou mesmo a se divertir. À época, em 1993, o alemão nem sonhava em se tornar uma referência mundial na montagem de peças, fazer crescer o imaginário também dos adultos nem de construir representações que deixam todos boquiabertos.

Na Coimbra Fan Event – For LEGO Lovers, que acontece no Estádio da Cidade até o dia 24 de setembro, os curiosos que passaram pela exposição nos dois primeiros dias foram surpreendidos em vê-lo em plena atividade. O inusitado aconteceu: na última quarta-feira, 13, quando desembarcou em Lisboa, viu dois caixotes com seus materiais partidos. Mas a equipe estava à postos. Jürgen e mais quatro, todos portugueses, começaram o retrabalho às onze horas da noite do mesmo dia de chegada.

Com esforço conjunto conseguiram terminar e garantir aos visitantes ótimas fotos. O que mais o encanta? “Construir tudo o que quiser”. Seu próximo desafio é a Sagrada Família, o grande templo em Barcelona, que nem sequer foi terminado tamanha sua grandiosidade e riqueza de detalhes – ok, teve uma guerra no meio da construção que suspendeu os trabalhos por 40 anos. Continue lendo “O rei da brincadeira: alemão constrói com peças de Lego Catedral de Colônia”

Ganhe cultura

Figueira da Foz além da praia: cidade guarda histórias sobre Inquisição e Napoleão

10 de setembro de 2017

O principal lugar de praia do distrito de Coimbra é Figueira da Foz. São 12 quilômetros de areia que nos levam a 14 praias. Indo de comboio da Estação Nova, depois de cerca de 40 minutos estará na cidade. Saindo da estação, deve-se andar um pouco, em direção ao mar, para chegar na Praia do Relógio. A extensão da areia é algo incrível! Tanto que há decks que nos levam à beira mar. E mais ainda: campos onde se jogam futebol.

A cidade sempre está em festa. A primeira impressão se concretizou com o tempo. Na primeira vez que fui, um grupo de dança ensaiava enquanto passava-se o som num palco pertinho do Forte de Santa Catarina – aliás, ali é cenário de filme.

Continue lendo “Figueira da Foz além da praia: cidade guarda histórias sobre Inquisição e Napoleão”

Ganhe cultura

Canalha, quem?

20 de junho de 2017

-Quem nunca foi canalha que atire a primeira pedra!

Xi!

Silêncio?

Não, claro, não. Ouve-se muitas pedras sendo atiradas.

-Canalha que é canalha não se revela. Melhor são aqueles que se assumem garanhões, não-respeitáveis e que fogem a todo custo de um relacionamento sério.

E mulher, aprende a ser igualzinho a eles? Continue lendo “Canalha, quem?”

Ganhe cultura

Viajar sem pagar: concurso lança desafio; saiba como participar!

15 de abril de 2017

Viajar de graça poderia ser o principal motivo para continuar lendo esse texto. Mas, tem mais: a Momondo, um dos principais buscadores de passagens aéreas e reservas de hotéis, quer mapear raízes genéticas por meio do DNA. Veja só: pelo desafio The DNA Journey, a empresa vai selecionar 30 brasileiros para fazer uma viagem e conhecer seus lugares de origem.

Quem quiser participar deve se atentar para as duas fases da seleção. Na primeira, o concorrente deve responder a pergunta: “Como viajar amplia a sua visão de mundo?”. É possível acessar até a meia-noite do dia 2 de maio no site do desafio The DNA Journey para completar a lacuna.

Continue lendo “Viajar sem pagar: concurso lança desafio; saiba como participar!”

Ganhe cultura

Por que as pessoas choram assistindo ‘A Cabana’?

12 de abril de 2017

O mundo precisa de amor. E o amor maior, sem cobranças, sem dor, com apenas recompensas e que traz a paz verdadeira só vindo de Deus. Embora a história de Mack Phillips (Sam Worthington) não seja habitual e, portanto, raro de alguém se identificar – sua filha caçula é raptada durante um acampamento e se culpa por isso -, a ficção aproxima quase que todo o tempo o telespectador comum da fé incomum.  

Recheado de metáforas, ‘A Cabana’ vira uma parábola moderna. Enquanto falta fé no personagem principal, ela derrama em sua esposa (Nan, vivida por Radha Mitchell). A frequência da família à igreja aos domingos é religiosa, mas só a pequena Missy (Amélie Eve) é capaz de verbalizar as dúvidas que assolam o ser humano. Deus é mal? Deus é raivoso? Continue lendo “Por que as pessoas choram assistindo ‘A Cabana’?”

Ganhe cultura

Londres e Holanda são destinos para bailarinos

6 de abril de 2017

A dança é apresentada ainda quando criança na maioria dos casos daqueles que optam por estudar o ofício. Foi justamente o caso de Denilson Almeida e Jonatas Soares, de 16 anos, que se dedicaram muito ao balé e angariaram bolsas de estudos fora do país. Denilson, morador de Honório Gurgel, começou quando ainda tinha oito anos. A rotina de ensaiar seis dias por semana já o acompanha faz tempo.

Continue lendo “Londres e Holanda são destinos para bailarinos”

Ganhe cultura

Alunos de escolas públicas têm entrada gratuita no AquaRio

30 de março de 2017

Um  mundo novo para estudantes de todo o Brasil e para os apaixonados pela vida marinha que ambicionam cursar Biologia se abre no AquaRio. O aquário marinho abriu inscrições para visitas de alunos da rede pública, que serão guiadas por monitores durante o ano letivo. Grupos de até 50 pessoas podem se inscrever gratuitamente para aprenderem de forma lúdica.

Já os alunos de escolas particulares passam pela mesma visita pagando R$ 40. O AquaRio, que está localizado na Praça Mauá é o maior aquário marinho da América do Sul e espera receber mais de 200 mil estudantes por ano.   Continue lendo “Alunos de escolas públicas têm entrada gratuita no AquaRio”

Ganhe cultura

Família Schurmann: depois de rodarem o mundo, o planejamento da próxima aventura

16 de março de 2017

Conheci mãe, pai e um dos filhos da geração Schurmann, a família brasileira que rodou o mundo à bordo de um veleiro, por um convite para navegar e passar um dia na companhia dos aventureiros. Aprendi muito.

Uma dos relatos que mais me impressionou foi a ilha de lixo que eles se deparam nos mares da Indonésia. Heloísa e Wilhelm, mãe e filho, contam essa experiência e o clique que deu naquele momento em trabalhar com sustentabilidade nesse vídeo.

Continue lendo “Família Schurmann: depois de rodarem o mundo, o planejamento da próxima aventura”

Ganhe cultura

‘Renato Russo é um grande poeta, isso me alimenta’, conta Bruce Gomlevsky, que encarna o músico no teatro

17 de fevereiro de 2017

A temporada do musical Renato Russo encerra nesse fim de semana. Domingo é a última chance de ver Bruce Gomlevsky no palco do Teatro Riachuelo, no Centro. Depois ele parte para Shopping da Gávea e continua a série de homenagem aos 20 anos de morte do poeta da Legião Urbana.

Bati um papo com o ator e descobri que o artista é também muito fã. Vê só:

– O que te move, o que te mantém no palco depois de tantos anos de espetáculo?

A primeira estreia aconteceu há 10 anos, em outubro de 2006. Nessa temporada lembramos os 20 anos de morte do Renato Russo. Eu nunca tinha feito uma peça que emocionasse tanto as pessoas, as pessoas saem do teatro muito tocadas. Mesmo aqueles que não são fãs do Renato, tanto gente mais velha quanto mais jovem. A trajetória de vida dele é interessante. Ele é um grande poeta, isso me alimenta.

As pessoas cantam muito, todas as músicas. É um espetáculo catártico para a plateia. São 22 músicas tocadas em cena. A dramaturgia é muito feliz em fazer um apanhado dos principais momentos do Renato e as músicas ainda contam a história.

Continue lendo “‘Renato Russo é um grande poeta, isso me alimenta’, conta Bruce Gomlevsky, que encarna o músico no teatro”